Colesteral Alto

Há decadas o Dr. Toshia Komuro, inventor das pastilhas de infravermelho longo, dedica-se ao estudo dos efeitos biológicos da radiação de infravermelho longo . Em 1991, Toshio Komuro  e Yukie Niwa(8) publicaram  um estudo mostrando  que os raios infravermelho longos  ativam a função dos leucócitos  e inibe a peroxidacão dos lipídios.

Os  pesquisadores    utilizaram  provetas contendo neutrófilos,  linfócitos e ácido docosahexaenóico, envolvidas com fibra de platina emissora de infravermelho longo de 4 a 14 mícrons, e  examinaram  os  efeitos  desta  radiação  nas atividades celulares.

Os  resultados   revelaram,  dentre  outros  achados,   que a fibra   emissora   de  infravermelho   longo   promoveu   marcada.

Os resultados revelaram, dentre outros achados, que a fibra emissora de infravermelho longo promoveu marcada inibição da  peroxidação dos lipídios,   sugerindo    que  esta terapia     pode    estar   ligada à  promoção    de  saúde   por potencializar funções celulares. 

000179.jpg